As mulheres em startups e franquias

As mulheres assumem hoje cargos de liderança em startups e franquias, desempenhando, muitas vezes, funções que antes eram apenas exercidas por homens, e também passaram a ser provedoras da família. Mas este é só o começo. A cada dia uma nova mulher passa a ser dona de seu próprio negócio, aventurando-se em startups e franquias. Aqui no Brasil, elas já somam a maioria dos empreendedores, ficando com 45% desse percentual.

Segundo a Global Entrepreneurship, 52% dos novos empresários com menos de três anos e meio no mercado são do sexo feminino. Em território brasileiro, elas representam 57% dos empreendedores, sendo que 56% estão no Centro Oeste e 51% no Sudeste. No Nordeste elas estão em 49% em cargos de chefia.

As novas metas? Crescer no mercado de investimentos, um lugar onde o domínio masculino é  quase total.

Mulheres em startups

Perfis que buscam independência financeira e ajuda de investimento para alavancar negócios sã as mulheres mais bem sucedidas em startups a Dow Jones VentureSource. Uma pesquisa realizada mostrou que os números ainda têm muito a crescer. Apenas 1,3% das empresas possuem mulheres como fundadoras, 6,5% como CEOs e 20% como executivas. A proporção de mulheres em empresas de sucesso é de 7,1% e sem sucesso 3,1%.

Os pesquisadores concluíram que startups com mais mulheres podem ser mas bem sucedidas, visto que 61% das empresas com cinco ou mais mulheres são bem sucedidas. E os motivos estão nas características tipicamente femininas. Junior Borneli, vice-presidente de negócios e relacionamento do Angels Club, explica:

Alguns atributos fazem toda a diferença no mundo dos negócios. As mulheres são multitarefas, ou seja, conseguem realizar com maestria, várias coisas ao mesmo tempo. São mais sensíveis, habilidosas, detalhistas e cautelosas. Isso tudo é vantajoso para o universo corporativo. Elas são, realmente, excelentes empreendedoras e merecem cada vez mais incentivos neste mercado.

Carlos José Semenzato, presidente da SMZTO Holding de Franquias, com cerca de 50% de suas franquias lideradas por mulheres, explica:

Elas têm um olhar diferenciado para o negócio, atentando-se ao detalhe e à sensibilidade aguçada, qualidade fundamental para a gestão de um negócio.

O destaque delas também no franchising

Nas franquias elas também se destacam, dominando 42% do mercado brasileiro. Uma pesquisa feita por Rizzo Franchise revelou que franquias lideradas por mulheres faturam 34% mais, e os motivos são simples: elas participam de programas de treinamento, estão dispostas a aprender e possuem uma boa relação com os funcionários, evitando rotatividade de equipe.

O motivo para tanta dedicação no trabalho não está apenas na busca pela independência financeira. Elas também querem autonomia, flexibilidade de horários e, principalmente, estar presente na rotina da casa e dos filhos.

Deixe seu comentário

Ficamos Muitos Felizes em Poder Ajudar Você

Nosso objetivo é atender sua empresa por completo

Solicite Um Orçamento Orçamento Online